Terça, 21 Novembro 2017
Você está aqui: Inicio ELCOS A Origem
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

A Origem


Grupo Fundador da ELCOS


   Constituindo o associativismo a liberdade de organização para comunhão, de modo permanente, de interesses, saberes e projectos, os fundadores da ELCOS, com experiência organizativa, alguns, fundadores e representantes de organizações congéneres a nível nacional e internacional, pretenderam dar corpo a um projecto de raiz ideológica impar no panorama nacional: constituir uma organização de feridas com o objectivo último de promoção da saúde pública.

Este grupo inicial, com formação multidisciplinar adquirida em Portugal e no estrangeiro (enfermagem, feridas crónicas, nutrição, psicologia, gestão de unidades de saúde), todos com formação especializada em saúde comunitária, concebeu, animou e pôs em acção o projecto que se ancora numa linha política claramente definida na sua missão, visão e valores.

Ambicioso na política delineada mas consciente dos seus limites, o grupo fundador, convidou para os corpos sociais da ELCOS e para os seus Departamentos e Conselhos Regionais, diferentes profissionais que têm como interesse promover e/ou apoiar iniciativas de carácter educativo, técnico, científico, ético e de investigação no âmbito da prevenção e tratamento de feridas, abrangendo, assim o exercício clínico, o ensino e a investigação científica.
Assim, o capital humano da ELCOS é constituído por profissionais inseridos, aos vários níveis, na comunidade científica: médicos (cirurgia geral, vascular, plástica, endocrinologia e dermatologia); enfermeiros (especialistas em várias áreas da especialidade); farmacêuticos, engenheiros especializados em suportes multimédia aplicados às áreas da telemedicina e professores do ensino superior.

No âmbito do capital intelectual, a ELCOS, nos seus corpos sociais, departamentos e conselhos regionais, é composta por um elenco de saberes (a nível de licenciatura, mestrado e doutoramento), que garante uma actividade sustentada tanto em termos de formação quanto de investigação, contando com representação a nível da EPUAP, EWMA e OMS.
Para o cumprimento deste desiderato, a ELCOS-Sociedade de Feridas e o Centro de Estudos e Investigação em Feridas organizam-se, a nível geográfico, em Conselhos Regionais, pretendendo dar resposta à nosologia regional, em termos de feridas crónicas, através do envolvimento dos profissionais interessados, em cada região (médicos, enfermeiros, farmacêuticos, nutricionistas, fisioterapeutas, entre outros), em parceria com as instituições de saúde e de ensino, a nível local.

Pretende-se assim, conhecer cada região, a nosologia existente em termos de feridas crónicas, a incidência e prevalência, os recursos humanos, os saberes, de modo a elaborar um plano de acção regional que permita aos profissionais, in loco, um trabalho sustentado desenvolvido em parceria com as instituições, de modo a responder, de forma dirigida, aos problemas específicos de cada região. Nesta tarefa de erradicação da doença, num contexto de pobreza em que tantas vezes se insere, advogamos texto superiormente concebido pelo Director Geral da OMS (1983): “Toda a gente está ligada e tem o poder de mudar as coisas: os cidadãos das vilas e das cidades, as famílias e as comunidades e toda a espécie de grupos políticos e sociais, tais como as instituições de ensino e investigação, organizações não governamentais e agrupamentos profissionais. Mas, também os especialistas da saúde e os responsáveis pela colectividade, como os chefes civis e religiosos, os professores, os magistrados, os trabalhadores da segurança social.

Sem a participação profunda de toda a população a saúde para todos será sempre uma miragem”.

Grupo Fundador com T.O.C.

Grupo Fundador mais T.O.C.


AddThis Social Bookmark Button


 
Voltar ao topo

Your are currently browsing this site with Internet Explorer 6 (IE6).

Your current web browser must be updated to version 7 of Internet Explorer (IE7) to take advantage of all of template's capabilities.

Why should I upgrade to Internet Explorer 7? Microsoft has redesigned Internet Explorer from the ground up, with better security, new capabilities, and a whole new interface. Many changes resulted from the feedback of millions of users who tested prerelease versions of the new browser. The most compelling reason to upgrade is the improved security. The Internet of today is not the Internet of five years ago. There are dangers that simply didn't exist back in 2001, when Internet Explorer 6 was released to the world. Internet Explorer 7 makes surfing the web fundamentally safer by offering greater protection against viruses, spyware, and other online risks.

Get free downloads for Internet Explorer 7, including recommended updates as they become available. To download Internet Explorer 7 in the language of your choice, please visit the Internet Explorer 7 worldwide page.

Receba todas as novidades pelo Facebook. Clique no Gosto!

-->